abril 2, 2015

Preenchimento labial

Os lábios (superior e inferior) são as bordas que revestem a boca humana. São estruturas formadas pelo músculo orbicular da boca e coberto por uma mucosa especializada denominada semimucosa.

Tem como principais funções auxilio na fala e na alimentação.

Sua cor, largura e formato variam de acordo com a etnia e as características genéticas particulares herdadas.

Os lábios possuem grande influência sobre a beleza de todos nós.

Algumas tribos da África e das Américas furam os lábios inferiores para introduzir uma argola. Esse costume é tido como algo de muito valor estético, um adorno para embelezamento.

 

O preenchimento labial é uma técnica utilizada quando se quer atenuar vincos, obter volume ou um simples toque no contorno dos lábios.

São duas as principais indicações do preenchimento labial:
  • Rejuvenescimento labial
  • Valorização da beleza natural dos lábios

 

Quais são os sinais de envelhecimento do lábio que podemos melhorar com o preenchimento?
  • Rugas finas periorais (rugas ao redor da boca)
  • Afinamento do lábio
  • Perda de contorno labial
  • Perda do filtrum labial, o “V” labial

O procedimento só deverá ser realizado após avaliação médica detalhada

para se atingir o objetivo desejado: lábios naturalmente bonitos.

Além de amenizar os efeitos do tempo, o preenchimento labial também permite melhorar o aspecto do lábio.

Harmoniza o lábio com o restante da face. Para obter esse efeito, o profissional deve conhecer os diferentes tipos de lábio.

Classificação dos lábios:

1- conforme a espessura:
  • Lábio inferior mais espesso que o superior
  • Lábios carnudos – lábio superior e inferior grossos
  • Lábios finos
  • Lábios com espessos no centro
2 – conforme o contorno
  • Com “V” bem demarcados e angulados
  • Com “V” arredondados
  • Com “V” indefinido
3 – conforme o tamanho
  • Pequenos
  • Grandes
  • Normais

 

O preenchimento labial é realizado no consultório dermatológico e dura 30 minutos.
O efeito é visto imediatamente e permanece por cerca de 6 a 12 meses.
Trata-se de um procedimento seguro, com ótimos resultados e custo acessível.
Compartilhar: / / /
Destaques
cirurgia.net
Recomendações